.Radio Mais

.Veja no blog da Radio Mais


Quarta-feira, 30 de Janeiro de 2013

Apple e Samsung perdem no tribunal de San Jose (EUA)


Apple X Samsung
Juíza determinou que não irá aumentar compensação de danos à fabricante do iPhone e negou a proposta da sul-coreana de um novo julgamento

A juíza Lucy Koh, responsável pelo caso de disputa de patentes entre aApple e Samsung, em San Jose, Califórnia (Estados Unidos), não irá aumentar a compensação de danos à empresa da maçã. 

A magistrada negou a alegação da Apple de que a violação da Samsung sobre suas patentes foi intencional. Koh disse que a fabricante do iPhone "não demonstrou claramente como foi de fato prejudicada" pela rival.

Por outro lado, a juíza rejeitou a proposta da Samsung para um novo julgamento. No entanto, ambas empresas podem recorrer a decisão.

As informações são do Estado de S. Paulo. 

Noticia retirada do Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 19:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Apple e Samsung perdem no tribunal de San Jose (EUA)


Apple X Samsung
Juíza determinou que não irá aumentar compensação de danos à fabricante do iPhone e negou a proposta da sul-coreana de um novo julgamento

A juíza Lucy Koh, responsável pelo caso de disputa de patentes entre aApple e Samsung, em San Jose, Califórnia (Estados Unidos), não irá aumentar a compensação de danos à empresa da maçã. 

A magistrada negou a alegação da Apple de que a violação da Samsung sobre suas patentes foi intencional. Koh disse que a fabricante do iPhone "não demonstrou claramente como foi de fato prejudicada" pela rival.

Por outro lado, a juíza rejeitou a proposta da Samsung para um novo julgamento. No entanto, ambas empresas podem recorrer a decisão.

As informações são do Estado de S. Paulo. 

Noticia retirada do Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 19:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Apple e Samsung perdem no tribunal de San Jose (EUA)


Apple X Samsung
Juíza determinou que não irá aumentar compensação de danos à fabricante do iPhone e negou a proposta da sul-coreana de um novo julgamento

A juíza Lucy Koh, responsável pelo caso de disputa de patentes entre aApple e Samsung, em San Jose, Califórnia (Estados Unidos), não irá aumentar a compensação de danos à empresa da maçã. 

A magistrada negou a alegação da Apple de que a violação da Samsung sobre suas patentes foi intencional. Koh disse que a fabricante do iPhone "não demonstrou claramente como foi de fato prejudicada" pela rival.

Por outro lado, a juíza rejeitou a proposta da Samsung para um novo julgamento. No entanto, ambas empresas podem recorrer a decisão.

As informações são do Estado de S. Paulo. 

Noticia retirada do Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 13:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Apple e Samsung perdem no tribunal de San Jose (EUA)


Apple X Samsung
Juíza determinou que não irá aumentar compensação de danos à fabricante do iPhone e negou a proposta da sul-coreana de um novo julgamento

A juíza Lucy Koh, responsável pelo caso de disputa de patentes entre aApple e Samsung, em San Jose, Califórnia (Estados Unidos), não irá aumentar a compensação de danos à empresa da maçã. 

A magistrada negou a alegação da Apple de que a violação da Samsung sobre suas patentes foi intencional. Koh disse que a fabricante do iPhone "não demonstrou claramente como foi de fato prejudicada" pela rival.

Por outro lado, a juíza rejeitou a proposta da Samsung para um novo julgamento. No entanto, ambas empresas podem recorrer a decisão.

As informações são do Estado de S. Paulo. 

Noticia retirada do Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 13:17
link do post | comentar | favorito
| partilhar
Sábado, 12 de Janeiro de 2013

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 20:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 20:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 20:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 20:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 14:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

Samsung repensa lançamento de tablet com Windows RT

Samsung Empresa havia anunciado produto em agosto, mas parece ter mudado de ideia sobre seu lançamento nos Estados Unidos, ao menos

Microsoft parece ter sofrido um duro golpe nesta sexta-feira. A Samsungpoderá não lançar nos Estados Unidos o Ativ Tab, um tablet que utiliza o sistema operacionalWindows RT, contrariando anúncio feito em agosto. A empresa decidiu que era melhor esperar antes de entrar neste mercado.

A revelação foi feita em entrevista ao CNET pelo vice-presidente da companhia Mike Abary. Entre os argumentos que levaram a esta decisão estão a baixa demanda pelo produto de acordo com os lojistas, bem como o alto investimento necessário para explicar as vantagens e diferenças do Windows RT em relação ao Windows 8.

"Quando fizemos alguns estudos de como entrar no mercado com um aparelho com Windows RT, determinamos que seria necessário muito esforço para educar o consumidor sobre o que o sistema era. E este esforço requeriria um investimento pesado. Quando somamos isso à demanda apenas modesta segundo os vendedores, decidimos que seria melhor esperarmos", declarou Abary.

Segundo o site, Abary nota que uma das principais vantagens do RT, desenvolvido para a arquitetura ARM, mais leve e econômica, é seu preço mais baixo em relação ao Windows 8 completo, mais robusto, criado para a arquitetura x86. Entretanto, isso vem acompanhado com alguma queda de desempenho, o que não é o objetivo da Samsung.

Entretanto, Abary avisa que não é uma decisão definitiva, mas apenas uma medida temporária. "Estamos vendo como o mercado para o RT se desenvolve. Não estamos engavetando o projeto permanentemente. Ainda é uma opção viável, mas não para o momento", concluiu o executivo.

O vice-presidente da Samsung, no entanto, ainda não confirmou se esta medida também se estenderá para outros mercados mundiais ou se será restrita aos Estados Unidos. 


Noticia retirada Olhar Digital

publicado por radiomaisto às 14:23
link do post | comentar | favorito
| partilhar

.Visita

contador de visitantes

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Outubro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. Apple e Samsung perdem no...

. Apple e Samsung perdem no...

. Apple e Samsung perdem no...

. Apple e Samsung perdem no...

. Samsung repensa lançament...

. Samsung repensa lançament...

. Samsung repensa lançament...

. Samsung repensa lançament...

. Samsung repensa lançament...

. Samsung repensa lançament...

.arquivos

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

.tags

. todas as tags

.links

.Noticia 1

.Previsão do Tempo

.as minhas fotos

.subscrever feeds

SAPO Blogs